“Segredos de Outono” – Covas de Barroso

14444942_10206548874513750_4551839284629442880_o

“Segredos de Outono” – Covas de Barroso

A Associaçao Celtiberus em parceria com o município de Boticas organizou, no passado dia 9 de Outubro, mais uma edição dos “Segredos de Outono” que este ano decorreu pela primeira vez na freguesia de Covas de Barroso e contou ainda com o apoio da junta de freguesia local e o Ecomuseu de Barroso.

Com o objetivo de promover a região de Barroso e as suas colheitas a Associção Celtiberus organizou um programa que contemplou uma caminhada permitindo aos visitantes apreciar a beleza natural e o património cultural de Covas de Barroso. Durante a manhã de domingo os participantes puderam também reviver tradições integrando uma desfolhada à moda antiga, visita ao forno do povo em pleno funcionamento e prova de alguns produtos característicos desta altura do ano tais como: o vinho doce, as castanhas, os licores, as compotas e o tradicional pão centeio e bola de carne.

No decorrer da festa  a casa Museu “Quinta do Cruzeiro” – pólo do Ecomuseu de Barroso abriu portas aos visitante sendo servido o almoço na sua eira criando um ambiente que levou todos os visitantes a recuar no tempo, trazendo à memória alguns usos e costumes que povoam o nosso imaginário.

No largo da aldeia e ocorrendo em simultâneo, foi organizada uma feira de produtos locais que ajudou os produtores a escoar os seu produtos permitindo o desenvolvimento da economia local e valorização dos produtos do campo bem como o artesanato da região de Barroso. Esta iniciativa contou com o apoio do programa CLDS 3G promovido pela Santa Casa da Misericórdia de Boticas em parceria com a Associação Celtiberus.

A realização deste evento, que de alguma forma tentou recriar a antiga festa das colheitas feita nesta povoação do concelho de Boticas, permitiu potenciar o evento numa vertente turística atraindo centenas de pessoas fora do concelho. Como ponto alto deste evento para a população de Covas  de Barroso foi o reeditar do antigo Rancho Folclórico de Santa Maria de Covas extinto à mais de 30 anos, que neste dia juntou antigos e novos elementos voltando a animar as gentes de Barroso. Um dia de festa na aldeia que foi registado com muito agrado por todos ficando no ar a vontade de se organizar novamente no próximo ano.

A Associaçao Celtiberus em parceria com o município de Boticas organizou, no passado dia 9 de Outubro, mais uma edição dos “Segredos de Outono” que este ano decorreu pela primeira vez na freguesia de Covas de Barroso e contou ainda com o apoio da junta de freguesia local e o Ecomuseu de Barroso.

Com o objetivo de promover a região de Barroso e as suas colheitas a Associção Celtiberus organizou um programa que contemplou uma caminhada permitindo aos visitantes apreciar a beleza natural e o património cultural de Covas de Barroso. Durante a manhã de domingo os participantes puderam também reviver tradições integrando uma desfolhada à moda antiga, visita ao forno do povo em pleno funcionamento e prova de alguns produtos característicos desta altura do ano tais como: o vinho doce, as castanhas, os licores, as compotas e o tradicional pão centeio e bola de carne.

No decorrer da festa  a casa Museu “Quinta do Cruzeiro” – pólo do Ecomuseu de Barroso abriu portas aos visitante sendo servido o almoço na sua eira criando um ambiente que levou todos os visitantes a recuar no tempo, trazendo à memória alguns usos e costumes que povoam o nosso imaginário.

No largo da aldeia e ocorrendo em simultâneo, foi organizada uma feira de produtos locais que ajudou os produtores a escoar os seu produtos permitindo o desenvolvimento da economia local e valorização dos produtos do campo bem como o artesanato da região de Barroso. Esta iniciativa contou com o apoio do programa CLDS 3G promovido pela Santa Casa da Misericórdia de Boticas em parceria com a Associação Celtiberus.

A realização deste evento, que de alguma forma tentou recriar a antiga festa das colheitas feita nesta povoação do concelho de Boticas, permitiu potenciar o evento numa vertente turística atraindo centenas de pessoas fora do concelho. Como ponto alto deste evento para a população de Covas  de Barroso foi o reeditar do antigo Rancho Folclórico de Santa Maria de Covas extinto à mais de 30 anos, que neste dia juntou antigos e novos elementos voltando a animar as gentes de Barroso. Um dia de festa na aldeia que foi registado com muito agrado por todos ficando no ar a vontade de se organizar novamente no próximo ano.

 

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *